20 de junho de 2017

Spanische Windtorte... com o coração de luto



É tão difícil escrever, arranjar uma inspiração, falar de algo alegre, com cores e flores, quando todos chorámos uma tragédia no nosso país. Crianças, mães e pais que perderam a vida. Casas destruídas. Famílias que perderam o seu lar, o seu ganha pão, as suas coisas, as suas memórias de uma vida. 
Terrenos devastados, árvores escurecidas, sem verde e animais que perderam o rumo e o seu lar na floresta. Tudo pela terrível força da mãe natureza... 
É tão difícil colocar-nos no coração destas pessoas, por mais que achemos que é horrível, é mais horrível ainda. 
É um post triste, este. É um post de luto, de pesar... 
É tão difícil querer escrever e só conseguir sentir cada lágrima por cada estrela que brilha a mais no céu.



Seriam outras as palavras para apresentar o desafio do Sweet World das queridas Susana, Basta Cheio e Lia, Lemon and Vanilla... mas deixo aqui, para ti, Susaninha o meu Spanische Windtorte, com o coração em Pedrógão... 







Spanische Windtorte (inspirado daqui)
-Marry Barry-

Ingredientes (merengue francês)
5 claras de ovos de grande porte
½ colher de chá de sumo de limão
295g de açúcar em pó

Ingredientes (merengue suiço)
2 claras grandes
125g açúcar em pó

Ingredientes (recheio interior)
200ml de natas
25g de açúcar em pó
120g de morangos grosseiramente picados
100g de framboesas
75g de mirtilos
flores

Preparação
Preparar dois ou três tabuleiros forrados com papel vegetal. Desenhar círculos de 15cm distribuídos pelos tabuleiros. Eu apenas necessitei de dois.
Pré aquecer o forno a 120º sem ventilador.
Para fazer os círculos de merengue, deitar na taça da batedeira as claras e o sumo de limão. Bater com a velocidade máxima até formar picos. Adicionar o açúcar em pó, uma colher de sopa de cada vez sem parar de bater, até ficar um merengue espesso e brilhante.
Colocar 2/3 (dois terços) do merengue no saco de pasteleiro com um bico liso de 1,5cm. Desenhar um anel num círculo e encher completamente em espiral. Repetir no segundo círculo. Estes serão a base e o topo do bolo. Nos três círculos restantes desenhar com o merengue apenas aros. Serão a parte do meio do bolo.
Assar por 45  minutos.
Quando os merengues estiverem secos e completamente frios, deslizar um dos círculos cheios para uma placa que possa ir ao forno forrada com papel vegetal. Com o restante merengue no saco de pasteleiro espalhar vários pontos em torno da borda da base e colar um dos aros pressionando suavemente . Repetir o processo em cima do aro e colocar outro aro. Terminar com o terceiro aro.
Barrar toda a "caixa" (bolo) com o restante merengue como se de um bolo se tratasse e levar ao forno durante mais 45 minutos. Retirar e deixar arrefecer completamente.
Entretanto preparar o merengue suíço para o interior do bolo..
Numa tigela grande sobre uma panela de água (banho-maria), deitar as 2 claras com o açúcar até que este se dissolva totalmente e o merengue atinja 70º. Para verificar se o açúcar está dissolvido basta esfregar um pouco da clara entre os dedos e não sentir grãos de açúcar.
Passar para a batedeira e bater até que esta arrefeça completamente. Poderá colocar-se uma toalha húmida à volta da taça para que arrefeça mais rápido.
Colocar num saco de pasteleiro com um bico de estrela e decorar a gosto em torno do bolo. Decorar também a tampa e colocar no tabuleiro ao lado do "bolo". Levar novamente ao forno durante 30 minutos.
Para o recheio, bater as natas com o açúcar. Cortar os morangos e juntar ao creme juntamente com os mirtilos e framboesas.
Colocar dentro do bolo, já arrefecido e tapar com a tampa de merengue.
Decorar com as flores e... bom apetite.




spanische 
windtorte

ingredients (french meringue shell)
5 large free-range egg whites
½ tsp cream lemon juice
295g icing sugar

ingredients (swiss meringue decoration)
2 large free-range egg whites
125g caster sugar

ingredients (for the filling)
200ml double cream
25g icing sugar,
120g strawberries, roughly chopped
100g raspberries
75g blueberries

preparation
Line 3 large baking trays with baking parchment. Draw 2 x 15cm circles on 2 of the trays and 1 x 15cm circle on 1 of the trays. (You should end up with 5 x 15cm circles). Preheat the oven to 120C/100C Fan/Gas ½.
For the meringue shell, tip the egg whites and lemon juice into a large spotlessly clean bowl and whisk with an electric mixer on high speed until the whites form stiff peaks. Add the icing sugar, a tablespoon at a time, whisking continuously to make a thick, glossy meringue.
Spoon two-thirds of the meringue into a piping bag fitted with a 1.5cm/⅝in plain nozzle. Pipe a thick ring inside one of the circles on the baking tray and continue spiraling until the entire circle is filled. Repeat with a second circle. These create the base and the top of the meringue cake.
Repeat the process with the 3 remaining circles, except don't fill in the circles, so that you have three hoops of meringue - these create the sides of the meringue shell. Bake for 45 minutes. Remove from the oven and leave to cool.
When the meringues are dry, gently slide 1 of the cooked, filled meringues onto a 30cm/12in heatproof (to 120C) serving plate. Spoon the remaining meringue into the piping bag and pipe 8 blobs of meringue, evenly spaced around the edge of the circle. Place 1 of the meringue hoops on top and press down very gently to stick the hoop to the base.
Repeat the process with the remaining 2 hoops of meringue. Roughly pipe the remaining one-third of meringue around the sides to disguise the hoops. Using a spatula smooth out the meringue so that the sides are smooth and straight and look like a cake. Bake on the serving plate for 45 minutes. Remove from the oven and leave to cool.
For the Swiss meringue decoration, set a large mixing bowl over a pan of gently simmering water. Tip the egg whites and sugar into the bowl and whisk until the sugar is dissolved and the meringue reaches 70C on a sugar thermometer.
Remove from the heat and continue whisking until cool and stiff. Spoon the meringue into a piping bag fitted with a large star nozzle. Pipe a pretty border around the base, the middle and the top edge of the meringue shell. Pipe a border around the outside edge and the middle of the filled meringue circle that will become the lid. Bake for 30 minutes. Remove from the oven and leave to cool.
For the filling, whip the cream and icing sugar together in a bowl until soft peaks form when the whisk is removed from the bowl. Gently fold in the strawberries, raspberries and blueberries. Spoon into the cooled meringue cake shell. Top with the meringue lid.
Decorate with flowers and... nice appetite




Cake Stand by Côco e Baunilha :-)




29 de maio de 2017

Biscoitos amanteigados de nozes pecã


Foram meses de total impotência. Não poder fazer as coisas que mais gosto e até o essencial deixou-me aniquilada :-( Não é fácil conviver com a dor. Rodopiar os braços constantemente numa ânsia de que no fim do rodopio a dor amainasse. Mas não...
Não gosto de nada, nadinha, nadérrima de ficar parada e não sou lá muito amiga de sofá, apesar de algumas vezes saber bem. No entanto, o sofá tomou as rédeas de mim de uma forma avassaladora.
A cozinha chamava e a minha novinha kitchenAid, que ainda quase não usei, estavam ali paradas, tristes, com quem perguntava se já não gostaria delas. Goradas todas as receitas marcadas, todos os planos para os passatempos que gosto de participar. Os passeios e piqueniques previstos, ficaram-se por comidinhas básicas e os momentos felizes, adiados. E eu desesperava!


Pensei que nunca mais ficaria boa. Nem livros, programas de culinária ou séries uma atrás da outra me distraíam dos dois braços. 
Um dia, não aguentei mais e o que eu menos queria, acabei por implorar. Infiltrações de cortisona.
No dia seguinte estava nova... a fisioterapia continua claro, mas pelo menos as dores desapareceram totalmente.
Só com o  mal estar conseguimos dar valor ao bem estar. Nunca pensamos em agradecer todos os dias a vida, o amor, a saúde...
Hoje, não me esqueço de agradecer o bem que me sinto, diariamente...
O regresso, devagarinho devagarinho, vem com biscoitos. Saudáveis, confortáveis e deliciosos.





Biscoitos amanteigados de nozes pecã  (inspirado daqui)
"Iguarias Saudáveis" Book - Isadora Popovic

Ingredientes
100g de nozes pecã sem casca
90g de manteiga sem sal a temperatura ambiente
60g de açúcar mascavado
1 colher de chá de pasta de baunilha
125g de farinha de espelta
açúcar de confeiteiro para polvilhar

Preparação
Pré aquecer o forno a  130º. Colocar papel vegetal num tabuleiro de forno.
Triturar as nozes ligeiramente num robot de cozinha ou picar.
Bater a manteiga, o açúcar e pasta de baunilha numa tigela até obter uma mistura cremosa e fofa. Acrescentar as nozes mexendo e envolver delicadamente a farinha até os ingredientes ficarem ligados.
Fazer um rolo formando um tronco com cerca de 3cm de diâmetro.  Cortar círculos com 2cm de espessura, ou pesar  cada um de forma a ficarem todos iguais. Enrolar cada disco grosseiramente e colocar no tabuleiro deixando algum espaço, pois eles crescem durante a cozedura. Esmagar ligeiramente com um garfo.
Levar ao forno pré aquecido durante cerca de 30 minutos. Retirar, deixar arrefecer e polvilhar com açúcar de confeiteiro. 
Conservam-se numa caixa hermética até duas semanas, mas creio que as mãozinhas gulosas lá de casa não vão conseguir aguentar :-)





Buttered pecan 
nuts biscuits

ingredients
100g peanut pecans without shelled
90g unsalted butter at room temperature
60g of brown sugar
1 teaspoon vanilla paste
125g of spelled flour
confectioner's sugar to sprinkle

preparation
Preheat the oven to 130 degrees. Put paper in a baking tray.
Grind the nuts slightly in a kitchen robot or chop.
Beat the butter, sugar and vanilla paste in a bowl until you get a creamy and fluffy mixture. Add the nuts by stirring and gently wring the flour until the ingredients are connect.
Make a roll until it forms a trunk about 3cm diameter. Cut circles 2cm thick, or weigh each one so that they are all alike. Wrap each disc roughly and place on the tray leaving some space as they grow during baking. Crush lightly with a fork.
Bake in preheated oven for about 30 minutes. Remove, let cool and sprinkle with icing sugar.
They stay in an airtight box for up to two weeks, but I think the greedy little hands at home will not be able to handle:-)







1 de maio de 2017

Bolinhos-de-chuva, vindos do outro lado do mar...


Quem anda por aqui, já sabe que não estou muito bem de saúde, um problema muscular ou de tendões em ambos os braços anda a desafiar-me. Pelo facto, tento estar no computador o mínimo tempo possível. Tendo eu sempre uma história que gosto de contar hoje, infelizmente, não vai ser o caso, lamento.
Espero que seja passageiro e muito, muito obrigada por quem tem demonstrado carinho, interesse e preocupação. É nestes momentos que reconhecemos os amigos... verdadeiros :-)



Pratos brasileiros é o tema do Dia Um...Na Cozinha de Maio. Não é uma receita complicada e é feita com ingredientes básicos, simplesmente porque os meus braços não me permitem, igualmente, muito tempo a mexer na cozinha :-(
Inimaginável a sensação de impotência, de ter que pedir para fazer tudo aquilo que me provoque esforço nos braços, enfim... obrigada a quem me tem "aturado" :-)



Bolinhos-de-chuva (inspirado daqui)

Ingredientes
1/2 chávena de açúcar
2 colheres de sopa de manteiga amolecida
2 ovos
2 e 1/2 chávenas de farinha
1 colher de sopa de fermento
1 colher de café de sal
1 chávena de leite

*
óleo
canela
açúcar em pó

Preparação
Bater o açúcar com a manteiga até obter um creme fofo. Juntar os ovos, um a um e bater até ficar uma massa homogénea. Peneirar a farinha com o fermento e o sal e envolver com a massa. Acrescentar o leite e continuar a mexer.
Com a ajuda de uma colher despejar pedaços de massa no óleo quente tentando que fiquem em bolinhas. Fritar até alourar, retirar para papel absorvente e deixar escorrer.
transferir para uma travessa e polvilhar com o açúcar em pó e canela.
Bom lanche



rain 
cookie

ingredients
1/2 cup of sugar
2 tablespoons butter room temperature
2 eggs
2  1/2 cups of flour
1 tablespoon of baking powder
1 teaspoon of salt
1 cup of milk

*
oil
cinnamon
confectioner sugar

preparation
Beat the sugar with the butter until you get a fluffy cream. Add the eggs one by one and beat until smooth. Sift the flour with the yeast and salt and wrap with the dough. Add the milk and continue to stir.
With the help of a spoon pour pieces of dough into the hot oil trying to get them into balls. Fry until browned, remove to absorbent paper and allow to drain.
Transfer to a plate and sprinkle with the confectioner sugar and cinnamon.
Good snack






Obrigada




20 de abril de 2017

Bakewell Tart após paraíso... :-)


Não é necessário sair de Portugal para descobrir paraísos, aliás, até temos muitos por cá! Aqui ao lado, no meio do Atlântico, um deles. As nossas Ilhas dos Açores. 
Há muitos anos que uns grandes amigos me desafiam a visitar, a Ilha de S. Miguel. Tanto os ouvi falar, quando éramos estudantes, das saudades que tinham da sua linda ilha.
Não se falava nessa época de "vacas felizes", mas falava-se dos prados verdes, do queijo, das lagoas, das enumeras belezas naturais. É bom relembrar e manter amigas de tantos e tantos anos.


Este ano não resisti e finalmente entrei num avião com a minha Caracol e lá fomos conhecer as tão faladas "vacas felizes" E devem ser mesmo... :-)
Provavelmente tanto como nós fomos nos dias que lá passámos. Visitámos os lugares mais lindos da Ilha de São Miguel. Percorremos caminhos a toda a volta da ilha. Tomámos banho em águas férreas e pedaços de mar quentes. "Piquenicámos" em lagoas com histórias de amor. Subimos quase ao céu para ver um mar infinito e uma terra onde o verde apenas não o é, onde há telhados com vidas por baixo ou como diz um amigo meu: o que não é verde é vaca :-)
Vimos MUITAS das famosas vaquinhas com vista para o mar... Foram dias de total encantamento.
Muito obrigada, de coração, meus amigos A. R e Janeca, fofa.
Prometo voltar aqui com o verde e o mar num post com algumas fotografias da nossa ilha verde no meio do Atlântico.


Por enquanto, deixo-vos um bolo que já cumpriu o seu trabalho e muito bem; ser comido :-) e apreciado.
É mais um desafio que já se tornou uma escola. O passatempo Sweet World da Lia, Lemon and Vanilla e da Susana, Basta Cheio. Cada mês uma sobremesa que descobrem por esse mundo fora, que nos dão a conhecer e nos desafiam a confeccionar... . Obrigada, lindas.
Este Bakewell Tart pertence à querida Susaninha. Espero que te agrade e até breve. 
Bjitos e bom proveito.




Bakewell tart (inspirado daqui)
- Mary Barry -

Ingredientes (massa quebrada)
225g farinha simples, mais extra para polvilhar
150g fria
25g açúcar em pó
1 ovo de tamanho L batido

Ingredientes (massa frangipane, recheio)
150g manteiga temperatura ambiente (mole)
150g açúcar refinado
150g farinha de amêndoa
1 ovo de tamanho L batido
1 colher de chá de extracto de café ou de amêndoa

4 colheres de sopa de compota de morango
Amêndoa laminada para decorar

Preparação (massa quebrada)
Colocar a farinha numa tigela e esfregar a manteiga usando a ponta dos dedos até que a mistura se assemelhe a migalhas de pão fino. Acrescentar o açúcar em pó. Adiciona o ovo batido e misturar até formar uma massa macia.
Estender a massa numa na bancada enfarinhada até a espessura de uma moeda ultrapassando o tamanho da forma que irá usar. Colocar numa forma removível, cortar o excesso reservando para decorar e levar ao frigorífico para repousar durante 30 minutos.
Pré-aquecer o forno a 180º.

Colocar um papel vegetal por cima da massa e encher com feijões ou arroz não cozido. Assar cerca de 15 minutos, retirar os feijões e o papel e cozinhar por mais 5 minutos para secar a base. Deixar de lado para esfriar um pouco antes de adicionar o recheio.

Preparação (massa frangipane, recheio)
Misturar o açúcar com a manteiga até ficar um creme esbranquiçado e fofo. Adicionar a farinha de amêndoa, o ovo e o extracto de amêndoa ou café e misturar. 

Montagem
Espalhar na base da massa quebrada as quatro colheres de compota de morango.
Deitar a massa frangipane e alisar a superfície usando uma faca. Decorar a gosto com os restos da massa quebrada e amêndoa laminada.

Reduzir a temperatura do forno para 160º e cozer até dourar. Espetar um palito e verificar se sai limpo. Retirar do forno e deixar esfriar completamente na forma.
Um bom dia para todos.




bakewell
tart

ingredients (sweet shortcrust pastry)
225g plain flour, plus extra for dusting
150g butter, chilled
25g icing sugar
1 large free-range egg, beaten

ingredients ( frangipane ,filling)
For the filling
150g butter, softened
150g caster sugar
150g ground almonds
1 large free-range egg, beaten
1 tsp almond or coffee extract

4 tablespoons of strawberry jam
laminated almond to decorate

preparation (sweet shortcrust pastry)
Put the flour into a bowl and rub in the butter using your fingertips until the mixture resembles fine breadcrumbs. Stir in the icing sugar. Add the egg mixing to form soft dough.
Roll out the dough on a lightly floured work surface to the thickness of a coin surpassing the size of the shape that will use. Put in a removable shape, cut the ribbons and transfer to the fridge to chill for 30 minutes.
Preheat the oven to 180º
Line the pastry case with non-stick baking paper and fill with baking beans or uncooked rice. Bake blind for 15 minutes, then remove the beans and paper and cook for a further 5 minutes to dry out the base. Set aside to cool a little before adding the filling.

preparation ( frangipane ,filling)
Cream the butter and sugar together until pale and fluffy. Add the ground almonds, egg and almond or coffee extract and mix together. 

assembly
Spread the base of the pastry case with 4 tablespoons of raspberry jam.
Spoon the mixture into the pastry case and smooth the surface using a knife.
Reduce the oven temperature to 160º and bake until golden-brown and a skewer inserted in the centre comes out clean. Remove from the oven and leave to cool completely in the tin.
Have a nice day









Pin It button on image hover